segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Depois de muito sofrer nas mãos das meninas da Pello Menos, com meu satinelle ice, com gilete e com pinça, resolvi me dar de presente algumas sessões de depilação a laser.

Mas eu tava morrendo de medo. Porque sempre ouvi que a dor é absurda.

Por isso, pra começar, decidi fazer só meia perna, que é a área de depilação que reputava menos sensível e que supostamente doeria menos. Queria ir me acostumando com a dor aos pouquinhos pra depois ir passando para áreas, digamos, mais sensíveis.

Aí a primeira sessão foi na quinta passada. Logo falei para a dermato que não sou muito resistente a dor, ela passou um anestésico e fiquei esperando por uns quarenta minutos. Feliz por imaginar o anestésico fazendo efeito.

Na sala de espera, ninguém ajudou muito. Escutei um homem – que estava lá para fazer a barba – dizer que não deseja a dor que ele sente nem pro pior inimigo. Uma menina me aconselhou marcar logo a data do meu retorno. Porque na saída provavelmente eu desistiria. E meu medo foi só aumentando. Tanto que deixei uma menina passar na minha frente. Só pro anestésico ter mais tempo.

Mas uma hora chegou a minha vez, né? Fiquei feliz quando a dermato pediu para eu colocar uns óculos que não me deixavam ver nada. Bobinha. Como se isso fosse fazer doer menos.

Gente, sem brincadeira e exagero. Dói. Dói muito. Tem horas que parece que você tá levando choque. O problema é que não é um choquinho e parou, né? São vários choques. Muitos choques. Tem horas que parece que ela tá enfiando uma agulha pontuda até o osso da canela. Quando termina, a sensação é que a dermato esfolou sua perna toda e te jogou numa piscina cheia de álcool.

Só sei que saí de lá tonta. A médica com certeza deve ter me achado uma retardada. Porque querendo fugir dali o mais rápido possível, peguei minha bolsa correndo e desejei boa noite pro senhor pra médica.




Mas, olha, gente, tenho que dizer que a dermato é um amorzinho e super paciente. Quem for de Niterói e redondezas e estiver disposto a se aventurar pode me perguntar que passo todos os dados, ok?

14 comentários:

Cinthya Rachel disse...

ai, deve ser horrivel!!! tadinha! espero que fique linda!

Olly disse...

Minha best fez e genteeee, disse que dor é pouco... tirar siso é mole perto disso. Coragem, colega, coragem...
beijos

Renata disse...

não me desanima não...rs! Eu ainda não desisti de fazer! Só estou esperando parar de amamentar pra poder fazer. Ai que medo! Tomara que valha a pena, né??
beijoca

Milena disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ice Ice Baby disse...

MENINA, eu descobri o creme depilatório..minha vida anda mudando!!!

bjs chuchu

Milena disse...

Gente Rê! Se vc sentiu toda essa dor na perna espera pra ver na virilha! Eu juro que quase morri!
Mas valhe a pena! Ah valhe!

bjoooooo

Kiki disse...

Vixe, mas quanto tempo dura a sessão tortura? Eu queria fazer, já desisti. hehehe. Eu tenho que tirar o siso faz mais de 2 anos e não tiro pq não aguento dor... Vou ficar com os métodos tradicionais mesmo! rs...

Japa Girl disse...

Caí por aqui e vou deixar meu pitaco. Já fiz depilação a laser no buço e nas axilas. Geralmente tenho boa resistência à dor, mas axila é meu fraco. Doeu ABSURDAMENTE. E os pelos (agora sem acento) voltaram depois de um tempo. É verdade que voltaram mais finos e que não encravam, mas para mim já deu. Na hora do choquinho dá até saudade da cera. Sério.
Bjo

Carol disse...

Eu fiz buço, axila e virilha e valeu a pena cada dor absurda que senti. Força, concentração que VALE A PENA! O sofrimento não é em vão.

Ingrith disse...

Eu jurava que não doia... bom saber, rs

Ana Barros disse...

olha, nunca fiz depilação a laser, mas posso dizer com conhecimento de causa que quem usa o satinlle vai pro céu. De primeira classe !!! rs

De disse...

Ai, desisti!
Juro!
A Mi já tinha comentado, mas depois da sua confissão, agora é fato: DESISTI!
Coragem, a recompensa vai chegar: nada de pelos! NEVER MORE!
Bjs.

Aninha Leme disse...

Eu pensava em fazer depilação definitiva, mas preciso confessar que nunca tinha lido nada a respeito de sentir dores durante as sessões. Estou arrasada!!!
prefiro continuar na boa e velha cera e no satinelle. hahaha
beijão e boa sorte nas próximas sessões de tortura.

Jussara disse...

Ah, me desculpe, mas vc me permite rir? rsrsrs. Ri muito* aqui, ficou engraçado o jeito como vc contou. Eu te avisei que doía, não avisei? Que sem aquela de ponteira resfriada, que não dói e etc.
Dói sim e dói muito. Na primeira vez que fiz vi estrelas na hora da virilha, parecia que ela enfiava várias agulhas de uma vez e fiquei com uns arrepios de dor por 2 dias. Sério mesmo. Sem falar que suei muito de dor e de nervoso. Na meia perna dói tb mas dói menos (dói mais na região perto do tornozelo). Se serve de consolo, à medida em que vc vai fazendo a dor vai diminuindo. E a parte superior da perna quase não dói. Axilas eu achei desde o início que não dói nada, pra mim é super light, faz até cócegas(em compensação buço dói mais que tudo).
Mas com qual laser vc tá fazendo? o Starlux ou Soprano? É que me disseram que com o Starlux dói muuuito mais. Eu faço com o Soprano e ele tem duas ou três potências; de acordo com a região a ser depilada a médica coloca a mais ou a menos potente. Mas super recomendo essa depilação, a dor vale muito a pena nesse caso,rs, principalmente se a pessoa for praticamente uma bonoba como eu, rsrs. Se serve de consolo[2] eu fiz e faço sem anestésico. Considere-se uma sortuda ;).

*Lembrei de um comentário que eu li de um rapaz que fez um laser no rosto (eu fiz um pra manchas que dói muito) e ele dizia que parecia uma chicotada cada vez que o médico aplicava o laser, rsrsr. Ri muito pq era exatamente a sensação que eu sentia :D. Desculpe o comentário enorme.